Vamos por partes? Primeira etapa, sair dos 100kg!

sábado, 19 de dezembro de 2009

Repensando... e de frente pra uma parede branca


É assim que eu me sinto... sei que preciso mudar várias coisas na minha vida profissional, pessoal, financeira, em relação ao meu peso... tantas coisas que eu queria mudar e me sinto amarrada, tantas coisas que eu queria mudar e não tenho coragem, ou não tenho dinheiro... por isso me sinto assim, numa parece branca, trancada, amarrada hipnotizada...

Preciso colocar metas pra minha vida, preciso tentar mudar as coisas que acontecem e eu não gosto, não acostumo, não me sinto bem, me deprimo... mas por enquanto ainda não consigo... esse tempo todo de blog, perdi quase 10 Kg, estava entrando nas minhas calças jeans, estava feliz da vida...

Mas aconteceram algumas coisas que mudaram minha rotina, meu dia a dia, meu modo de ver as coisas e de poder enxergar a vida... ai com isso acabei saindo dos eixos e não há quem me faça conseguir voltar ao normal, porque minha vida não voltou ao normal e eu não consigo fazer com que as coisas tomem o curso natural.

Tenho 34 anos e o que eu tenho?

- Um carro velho financiado que ainda não terminei de pagar e muito provavelmente vou precisar vender pra não ficar pagando tantos juros ao banco por usar meu limite pra pagar o carro e manter meus gastos descontrolados;

- Um emprego que o cliente me reconhece mas meus "companheiros" de equipe as vezes boicotam colocando problemas e reclamando do meu trabalho... não consigo agradar os dois lados;

- 4 anos de empresa e NUNCA tive um aumento além do dissídio anual.

- Um namorado que eu amo, mas infelizmente ultimamente está com tanta sorte quanto eu em relação a trabalho... vivemos tentando firmar nossa vida pra podermos um dia finalmente casar... isso me faz pensar cada dia mais em termos nossa vida juntos definitivamente.

- Estou com uma compulsão por comida, doce, não consigo parar de comer bobagem e beber refrigerante... isso me faz mal, sinto meu estômago ruim e mesmo assim continuo comendo...


O que me falta:

- Controle pra parar de gastar e viver bem com o que eu ganho por enquanto;

- Coragem pra tentar ganhar a vida fora daqui em uma cidade maior, onde eu possa ganhar mais e continuar com meu projeto paralelo, junto com meu namorado que certamente teria mais chance em uma cidade maior tanto quanto eu...

- Persistência e coragem pra substituir essa covardia em relação a comida por força de vontade pra finalmente perder todos os quilos que preciso pra viver saudavel;

- Uma casa ou dinheiro pra pagar aluguel, ter meu canto, minhas coisas, minha privacidade, minha cozinha, meus guardanapos, minha mesa, geladeira, armários... mesmo que seja tudo simples... mas morro por dentro cada vez que penso que não posso ter nada meu por enquanto, por mais simples que seja... não penso nisso por casar ou deixar de casar, penso nisso pq tenho 34 anos e já passei da idade de ter tudo isso, de viver meu mundo, de ter meu tempo...

E o tempo não para...

Um comentário:

Lili Fly disse...

É chato se sentir pressa e inerte,mas talvez a melhor solução seja ir resolvendo cada coisa em seu tempo.Planeje seu 2010 e nao tenha medo de mudar a rota de sua vida!Bjuuu